Na primeira rodada da fase regular da ECS S8 NA, a transmissão da competição foi paralisada após suspeita de bomba ao redor do estúdio onde os narradores comentam as partidas.

A informação foi revelada pela polícia da cidade da Santa Mônica, nessa segunda-feira (16), do estado da Califórnia, EUA. A ameaça de bomba começou com um “pacote suspeito deixado dentro de uma lata de lixo”, disse a polícia local.

Assim, todos que estavam no estúdio da ECS deixaram a transmissão. A polícia afirmou que o esquadrão anti-bomba está à caminho do local e evacuou toda a área, “prezando pela segurança de todas pessoas visitando e trabalhando ao redor” e pelos protocolos policiais.

As partidas, no entanto, não foram interrompidas. Os confrontos, que estão sendo disputados online, continuaram acontecendo, porém, sem comentários e narrações nas partidas oficiais.

Uma hora depois, a polícia declarou que o pacote não é nenhuma ameaça pública. Antes das 22h no horário local, a circulação na área será liberada, afirmou o departamento.

Diversas equipes brasileiras estão na competição. Nessa segunda-feira, Sharks, INTZ e o elenco ex-Luminosity Gaming disputaram suas partidas. Os Tubarões venceram a INTZ por 2-0, e a até o momento da publicação da matéria, os ex-LG venciam a Cloud9 por 1-0 em mapas.