O Santos e-Sports anunciou nessa segunda-feira (29) o fim das atividades no cenário feminino de Counter-Strike: Global Offensive. A organização contava com uma line que acumulava vitórias em solo nacional, tendo vencido cinco Ligas Femininas.

A organização chegou no cenário feminino em maio de 2018. Já na chegada da equipe, o Santos afirmou que seus objetivos eram disputar as Ligas Femininas, das quais são tetras-campeãs, e dominar o cenário competitivo feminino. No entanto, a segunda meta não chegou a ser realizada.

O fim das atividades com o cenário feminino se deu após quase duas semanas da saída de  Izabella ”izaa” Galle. Ela agora defende a paiN Gaming, no lugar de Camila “Camyy” Natale, quem está sem time até o momento.

Desde a primeira line,  Lara “goddess” Baceiredo representa o clube. O elenco atual era formado por goddess, Camila “Naper” Garcia, Amanda “dinha” Gomez, Ana Gabriela “Anabala” Bochi,  Bruna “bubu” Santos e o assistente Fernando “Nandim” Serikawa. O treinador Bruno “Sllayer” Silva continua com a line masculina.

No seu twitter pessoal, goddess afirmou que a decisão de se desligar do time foi tomada em conjunto entre as jogadoras. A jogadora disse também que continuam com a vaga na Brasil Game Cup e estão em busca de alguma organização para representar.

“Fazemos o compromisso com a nossa torcida de que seguiremos atentos às oportunidades de retornar ao cenário, e o faremos quando sentirmos que estamos prontos para seguir representando o Santos à altura de suas tradições, com a força necessária para buscarmos o topo”, disse a organização em seu comunicado.