O campeonato Major é o mais importante torneio do Counter-Strike: Global Offensive que existe. Até hoje, foram realizadas 14 edições em diversos países na Europa e EUA. Pouco mais de um ano após o lançamento do game em agosto de 2012, foi realizado o primeiro Major da história da modalidade.

Entre os dias 28 e 30 de dezembro, na Suécia, foi realizada a DreamHack Winter 2013, que foi o primeiro campeonato Major. O torneio começou muito diferente do que acontece hoje em dia. Número de equipes, formato e premiação são alguns fatores que foram alterados ao longo de todos esses anos que de Major.

Fnatic foi a campeã do primeiro Major. Foto: DreamHack

O CAMINHO ATÉ O TÍTULO

A Fnatic foi a grande campeã da DreamHack Winter 2013, o primeiro Major. Em sua estreia contra a Na’Vi, a equipe de Jesper “JW” Wecksell venceu por 16-9 e garantiu sua classificação aos playoffs com nova vitória contra a Mystik por 16-6.

O jogo da quarta de final foi contra a Recursive eSports, a Fnatic venceu por dois a um e classificou-se para enfrentar a compLexity na semifinal. A vitória cobre a coL por dois a zero garantiu a equipe na final contra a Ninjas in Pyjamas. No duelo sueco, a Fnatic levou a melhor por dois a um e conquistou o primeiro título da história do Major.

FORMATO DA DREAMHACK WINTER 2013

Como foi o primeiro Major, a DreamHack Winter 2013 teve um formato diferente. Ocorreram três qualificatório: o Europeu, Online e BYOC. Seis equipes convidadas completaram as 16 organizações que participaram do campeonato.

O primeiro Major foi disputado no formato de dupla eliminação e os times foram divididos em quatro grupos com quatro equipes cada. Assim como em todo campeonato com essa organização, as duas melhores colocadas de cada grupo avançaram aos playoffs.

EQUIPES PARTICIPANTES

A primeira edição do Major contou com diversas equipes reconhecidas no cenário mundial. Além da campeã Fnatic, a Ninjas in Pyjamas, SK, Natus Vincere e compLexity participaram no campeonato.

Os outros times participantes foram: n!faculty, Copenhagen Wolves, Universal Soldiers, Astana Dragons, VeryGames, Clan-Mystik, iBUYPOWER, LGB eSports, Recursive eSports, Xapso e Reason Gaming.