A Heroic anunciou na manhã desta segunda-feira (1) que o treinador brasileiro Luis “peacemaker” Tadeu não faz mais parte da equipe para o restante do ano. Segundo o comunicado da organização através do Twitter, o treinador decidiu renunciar o cargo.

Peacemaker, de 31 anos, iniciou sua carreira como técnico no ano de 2015, na Games Academy. O brasileiro também passou por Team Liquid, NRG TYLOO e estava no comando técnico da Heroic desde novembro de 2017.

Em comunicado feito por meio de seu Twitter, o treinador afirmou que deixar a Heroic “foi uma decisão muito difícil”.

O treinador também passou por problemas de saúde e deixou a Heroic durante sete meses antes de voltar a comandar a equipe, no final de 2018.