Após surpreender o cenário internacional com seu jogo, não deu para a FURIA na grande final da ECS. Andrei “arT” Piovezan e seus companheiros perderam para a Vitality na tarde deste domingo (9) e ficaram em segundo lugar no torneio. A FURIA foi derrotada pelo placar de dois a zero, na Inferno e Overpass.

FURIA ECS
FURIA surpreendeu o cenário internacional com sua campanha na ECS. Foto: João Ferreira /ESPAT Media

A decisão começou na Inferno, que foi escolha da FURIA, e os brasileiros não se saíram bem, principalmente no lado Contra-Terrorista. Apesar de fazer um jogo equilibrado na primeira metade, o lado defensivo foi abaixo do esperado e a FURIA sofreu uma derrota por 16-9.

Com a obrigação de vencer na Overpass, a FURIA viu os franceses abrirem uma boa vantagem na primeira metade em um dia inspirado de Mathieu “ZywOo” Herbaut, no lado defensivo. Com o excelente primeiro tempo da Vitality, a equipe francesa apenas administrou no lado Terrorista, fechou o mapa em 16-4 e sagrou-se campeã da ECS.

Confira a classificação final:

POSIÇÃO EQUIPE PREMIAÇÃO
Vitality $255,000
FURIA $100,000
3º4º North; NRG $50,000
5º-6º Astralis; Complexity $25,000
7º-8º Ninjas in Pyjamas; MIBR $12,500

 

As finais da ECS foi realizada entre os dias 6 e 9 de junho, em Londres, Inglaterra. No total, oito equipes disputaram uma premiação total de US$ 500 mil.