Um dos maiores nomes do Counter-Strike: Global Offensive brasileiro, Fernando “Fer” Alvarenga provou não ser um grande jogador só dentro do servidor. O profissional da MIBR ajudou uma streamer que, por uma doença, sofreu complicação nas cordas vocais, correndo o risco de perder a voz para sempre.

No seu perfil do Twitter, Fer disse que a menina vinha fazendo uma stream de 20 dias sem parar, para alcançar o valor que custearia a cirurgia que traria de volta sua voz. No entanto, o jogador ajudou financeiramente e afirmou que fez um acordo com a streamer, de que há “1 ano, quando ela estiver totalmente recuperada, me mande um áudio gritando qualquer coisa”.

O jogador da MIBR correu o risco de ter perdido a audição recentemente. Na sua carreira profissional, Fer precisou fazer duas pausas para cuidar dos seus ouvidos – uma em 2016, quando defendia a SK Gaming e outra em 2018, já pela MIBR.