A eliminação precoce da compLexity não caiu bem aos olhos do fundador e CEO da organização. Em seu perfil no Twitter, Jason Lake não poupou os jogadores de críticas e ainda chamou outros atletas de alto nível a integrarem o time caso queiram bons salários e estrutura.

Na postagem, Lake afirma que embora respeite os atletas da compLexity, os maus resultados não serão aceitos: “Eu amo nossos jogadores como indivíduos, mas esses resultados não serão tolerados”.

Ainda no tuíte, o CEO da organização convocou jogadores de alto nível que querem novos desafios e boas condições de trabalho a o chamarem. Segundo a postagem, Lake pagará a compra e pagará os maiores salários do mundo para formar uma equipe de ponta.

De saída da MIBR, Marcelo “coldzera” David respondeu ao tuíte de Jason Lake com GIF indicando que estava de olho na publicação.

Rechaçado na publicação por ter realizado as críticas publicamente logo após a eliminação da equipe, Jason Lake afirmou que já havia conversado com o time antes de se pronunciar em sua rede social.

A compLexity terminou o Major com o recorde 1-3. A equipe venceu apenas a TYLOO, em uma MD3.