ProGaming e CNB se enfrentaram no último jogo deste domingo (25) no CBLoL 2018. A PRG buscava continuar na luta por uma boa posição entre os times que se classificam para os playoffs do CBLoL, enquanto os blummers buscavam sair da parte de baixo da tabela. Vale lembrar que a CNB mais uma vez fez substituições em sua equipe, e Rakin voltou a jogar na rota do meio, Robo voltou para o topo e Yampi assumiu a posição de caçador titular.

Totalmente burstado!

O primeiro momento de ação do jogo só aconteceu aos 9 minutos, quando em um gank na rota do topo a ProGaming consegue o first blood da partida. Os blummers compensaram o abate levando o primeiro dragão elemental, que já era de fogo.

A PRG mostrou estar melhor ao fazer as rotações e garantiu bastante pressão de mapa levando as torres da CNB. Aos 20 minutos exatos, eles aproveitaram o bom controle de visão e a ida à base da CNB para fazer o primeiro barão da partida.

Mesmo com o buff em mãos, a PRG só conseguiu levar uma torre inimiga, enquanto a CNB já acumulava três dragões elementais. Os blummers tentaram fazer o segundo buff de barão, mas viram o objetivo ser roubado por Minerva. Com isso, Skybart, que estava livre na rota inferior com sua Camille, conseguiu destruir o inibidor e abrir a base inimiga.

Após um terceiro barão, a PRG partiu para finalizar a partida com todos os inibidores inimigos destruídos. A CNB não se deu por vencida e conseguiu vencer a luta dentro de sua base.

Apesar de lutarem bem, a PRG fez o Dragão Ancião e mais uma vez partiu para a tentativa de vitória, dessa vez bem executada e bem sucedida. GG ProGaming!

Peeeeeeeentakill do PBO!!!!!

Após tantas equipes banirem sempre a Evellyn quando jogavam contra a ProGaming justamente pela ótima atuação do Minerva com a campeã, finalmente ela ficou livre para a escolha e a PRG não pensou duas vezes ao pegá-la. A ProGaming saiu na frente com o first blood na partida, mas acabou pagando com duas mortes para os blummers na mesma jogada.

Ainda assim a equipe mostrou boas rotações e uma certa vantagem na fase de rotas, principalmente no topo, o que dava uma certa “tranquilidade” na partida. Apesar disso, Minerva não estava conseguindo encaixar todo o potencial da Evelynn no early game. Aos 22 minutos, os blummers vão para o primeiro barão da partida e conseguem executá-lo perfeitamente e, de bônus, ainda ficam com três abates.

Com buff em mãos, os blummers partiram para a base da PRG e conseguiram levar o inibidor da rota do meio e, assim, estabelecer sua vantagem na partida. Apesar da desvantagem, a PRG conseguiu se segurar na partida, e aos 31 minutos faz uma boa luta no mid com dois abates a seu favor e partem direto para o segundo barão do jogo.

Apesar de conseguirem o objetivo, quem conseguiu botar pressão foi a CNB, que levou a rota do meio e posteriormente ainda conseguiu fazer o dragão ancião. Os blummers tiveram paciência para segurar sua vantagem até o próximo barão, que foi facilmente feito devido a força de todos do time.

A CNB destruiu todas as rotas inimigas e, em uma luta que começou melhor para a PRG, os blummers conseguem uma reviravolta e fazem um Ace com direito a Pentakill do PBO e empatam da série. GG CNB!

CNB vence a série de virada

Diferente da segunda partida, Minerva estava muito mais presente nesse jogo, sempre forçando bons ganks e com uma boa rota na jungle, o que no começo do jogo deu uma certa vantagem para o caçador. O first blood saiu logo aos três minutos e ficou com Skybart em um bom gank do Minerva no topo.

A ProGaming estava criando sua vantagem aos poucos com boas rotações e um bom foco em cima do Robo, porém em uma tentativa de defender sua torre da rota do meio, acabaram se atrapalhando na luta e perderam quatro jogadores. A CNB fica com os abates, com as duas torres do meio e ainda passam na frente no ouro.

Aos 25 minutos Rakin fez uma boa iniciação em cima do Goku e os blummers conseguiram abater o mid laner e o suporte inimigo, partindo direto para o primeiro barão do jogo. Minerva até tentou a contestação, porém foi impedido pelo Yampi e assim a CNB finaliza o barão e posteriormente derruba o inibidor da rota do meio.

A PRG ainda conseguiu alguns pickoffs dentro de sua selva, o que deu mais tempo para a equipe se segurar na partida. O jogo permaneceu bem tático até que o próximo barão voltasse e, quando aconteceu, a CNB não pensou duas vezes e partiu direto para o objetivo. A PRG tentou contestar e fez uma boa luta, porém não foi o suficiente para passar pela linha de frente dos blummers, que era muito forte. A CNB garante o barão e usa o buff para destruir torre de inibidor da bot lane inimiga.

Aos 38 minutos os blummers conseguem quatro abates dentro da base inimiga e partem direto para o nexus, vencendo a partida e consequentemente a série. GG CNB!

Você pode conferir a cobertura completa do CBLoL 2018 aqui no Mais e-Sports.