A lista de equipes que participarão do Mundial 2018 já está quase finalizada e neste domingo (16) tivemos mais quatro equipes se classificando para a competição, por meio das finais Regionais, competições que definem o terceiro e último participante das regiões Major.

Começando pela China, a EDward Gaming conseguiu manter a tradição e garantir sua vaga no Mundial 2018. A equipe chinesa venceu a JD Gaming por 3-2 na primeira rodada, e ao enfrentar a Rogue Warriors, venceu por 3-1, garantindo a última vaga da LPL. A EDG ficou com o vice-campeonato no primeiro spit do campeonato chinês, mas no segundo viu seu desempenho cair e acabou amargando a quinta colocação. A EDG se juntará a Royal Never Give Up e Invictus Gaming como representantes da China.

Na Coreia a Geng.G mais uma vez mostrou a sua “magia” da Regional e conseguiu sua classificação, onde irá defender seu título Mundial. A equipe venceu a SK Telecom T1 por 3-2 na primeira rodada da Final Regional coreana, e ao enfrentar a Griffin, também venceu por 3-2. Na final, Crown e companhia tiveram que enfrentar a Kingzone DragonX, mas não se intimidaram e venceram a série por 3-0, conseguindo assim sua classificação para o maior torneio de LoL do mundo. Vale lembrar que a Geng.G tem um bom histórico em Mundiais como “seed mais fraco” da Coreia. É o terceiro ano seguido que a equipe se classifica como terceira representante coreana, e nos últimos dois anos, foi vice-campeã mundial em 2016 e campeã mundial em 2017. A Coreia também tem como representantes a KT Rolster e a Afreeca Freecs.

Na Europa tivemos mais uma figurinha carimbada nos Mundiais. A Final Regional da região foi dividida em três rodadas. Na primeira, a Splyce surpreendeu a todos e venceu a Misfits por 3-2. Ao avançar para jogar contra a G2, a equipe acabou caindo também por 3-2, e deu adeus a chance de ir para o Mundial este ano. A G2 enfrentou o FC Schalke 04, atual vice-campeão da LCS EU 2018, pela última vaga na competição internacional. Perkz e companhia (G2) não decepcionaram e venceram a série por 3-1, conseguindo a última vaga europeia e se juntando a Fnatic e Team Vitality como representante de sua região.

Para finalizar a noite tivemos a Final Regional norte-americana, que contou com um clássico da última rodada. Seguindo o formato europeu citado acima, a competição também se divide em três rodadas. Na primeira rodada, a Echo Fox venceu a Clutch Gaming por 3-0, mas ao enfrentar a Team SoloMid na segunda rodada, acabou perdendo a série também por 3-0. Na rodada final tivemos o clássico mais famoso do NA: Team SoloMid x Cloud9. Sneaky e companhia não deram chances para a TSM e venceram a série por 3-0, protagonizando um momento histórico no cenário mundial de LoL. Pela primeira vez na história, a TSM não participará de um Mundial, já que era a única equipe até o momento a ter participado de todas as edições da competição. A Cloud9 se juntará a Team Liquid e 100 Thieves como representante da LCS NA no Mundial.

Com a classificação das equipes, só fica faltando o representante da VCS (Vietnã) e o terceiro representante da LMS (Taiwan) para fechar a lista de times do Mundial 2018. De todas as quatro equipes que se classificaram neste domingo, apenas a Geng.G não precisará jogar a Fase de Entrada da competição, que começará no dia 01 de outubro e contará com um total de 24 equipes participantes.