A equipe recém vencedora do Old Spice Tournament já tem casa nova: Brasil Gaming House. A organização utilizou seu Facebook para anunciar a contratação dos jogadores, coach e manager neste domingo (12).

Os jogadores vão para a nova organização com um histórico de peso. O time disputou — e ganhou — todos os campeonatos brasileiros até agora, incluindo os presenciais da GTX NVIDIA Challenge em 2016 e o Old Spice Tournament, que foi finalizado no último sábado (11) e rendeu à equipe uma premiação de R$20 mil reais pelo primeiro lugar. Recentemente os jogadores participaram do torneio semanal norte americano Rivalcade Weekly e terminaram em quarto lugar.

Filipe “PiBR” Maruyama Cardili, fundador da organização, comentou que a BGH foi criada com o propósito de contribuir na expansão da profissionalização do cenário do esports. O nome Brasil Gaming House surgiu com o intuito de atingir o objetivo de uma gaming house tradicional mas com o diferencial de auxiliar a comunidade como um todo, não apenas de um time específico.

“Com a nova contratação, passamos a contar com uma das melhores lines do cenário brasileiro — e talvez mundial — de Overwatch,” afirmou Cardili. “Nossos planos com o time serão no sentido de elevar ainda mais o nível dos jogadores e assim ganhar cada vez mais visibilidade no exterior, colocando o Brasil como país de destaque na formação de atletas de e-sport.”

A line up principal recebeu duas mudanças, entre elas a entrada do manager Andre “lee” Sung, antigo coach da semXorah, e a despedida do flex Vitor “KREPSKER” Krespsky, que saiu voluntariamente para se dedicar aos estudos e saúde, abrindo espaço para o flex Murillo “murizzz” Tuchtenhagen, jogador de destaque do cenário brasileiro, previamente da WS Esports, time por qual jogou a final contra a antiga Black Dragons no Old Spice Tournament.

Em comunicado para o Mais e-Sports, Murillo “murizzz” demonstrou ter confiança com o novo time.

“Eu já sabia do problema do KREPSKER há bastante tempo — mais de um mês — e que era provável que depois da Old Spice eles [membros da BGH] iriam me chamar, então foi tenso segurar esse tempo todo e treinar para ganhar deles na final, que seriam meu futuro time muito provavelmente,” disse o novo integrante da equipe. “Meu objetivo é ter uma discrepância ainda maior aqui em relação aos outros times para jogarmos lá fora.”

Além da roster principal, a Brasil Gaming House compartilhou que está em processo de contratação de outra line de Overwatch que será nomeada de BGH.Red. Até agora os jogadores são Devest, Nitro, Txozin, winiking e phabujamra, faltando apenas um off tank para completar a equipe.

Brasil Gaming House

DPS Felipe “liko” Lebrao
DPS Eduardo “dudu” Macedo
FLEX Murillo “murizzz” Tuchtenhagen
TANK Mateus “neil” Kröber
SUPORTE Renan “alemao” Moretto
SUPORTE Rodrigo “krk” Kröber
COACH Felipe “baba1u” Soares
MANAGER Andre “lee” Sung

Brasil Gaming House Red

DPS Victor ”Devest” Guimarães
DPS Gabriel “Nitro” Gaspar
TANK André “Txozin” Saidel
SUPORTE Pedro “phabujamra” Abujamra
SUPORTE Rhuan “winiking” Queiroz