A soloQ coreana está sofrendo com alguns campeões extremamente fortes. O Mais e-Sports resolveu trazer para vocês os 10 campeões mais banidos nesta primeira semana de Patch 7.1 no Challenger Coreano.

10 – Lee Sin – 14,7%

Um dos junglers favoritos da Coréia, Lee Sin vem sendo banido com bastante frequência. O campeão também é o mais pickado ano Challenger Coreano aparecendo quase sempre que não é banido.

Mesmo com os recentes nerfs, Lee Sin continua sendo bastante utilizado no Challenger Coreano.

Veja: Flash Mechanics – Lee Sin

9 – Elise – 19%

A Elise também sempre foi uma das grandes favoritas do Challenger Coreano. Com bastante mobilidade e dano, a campeã consegue simplesmente explodir o ADC inimigo!

Combos como Elise e Renekton continuam sendo utilizados no Challenger Coreano.

8 – Syndra – 41%

Com uma facilidade gigantesca de empurrar a lane a Syndra é o mid laner que atormenta a vida dos junglers inimigos. Dotada de um combo fatal, mesmo com ela bastante avançada nem sempre é uma boa ideia gankar uma Syndra.

Katarina vem ganhando cada vez mais espaço nos bans da soloQ coreana.

7 – Katarina – 49,2%

A nova Katarina trouxe mecânicas muito mais avançadas que a antiga. Os jogadores sul-coreanos de alto nível já masterizaram a campeã e isso faz com que ela tenha um poder incrível.

6 – Jayce – 50,3%

Um campeão que sempre foi bastante querido pelos coreanos, o Jayce está forte já tem um bom tempo. Mesmo com nerfs recentes, ele consegue fazer a sua função de burstar um inimigo tranquilamente. O campeão ainda tem um tiro de longa distância que é o terror dos suportes do momento!

5 – Malzahar – 51,7%

mencionamos aqui no Mais e-Sports como o Malzahar Suporte está forte e vem se destacando. O campeão tem uma presença gigantesca na bot lane e consegue vencer até mesmo trocas 1v2.

Se inscreva no canal do Mais e-Sports:

4 – Ryze – 75,2%

Fica cada vez mais raro ver um Ryze sendo jogado na soloQ coreana. O campeão é simplesmente banido em mais de 3/4 dos jogos.

Ryze apareceu inclusive na grande final do Mundial de 2016 nas mãos de Faker. Na partida, o jogador simplesmente estava em todos os lugares do mapa, era incrível. Você não pode deixar um campeão com dano e mobilidade desbanido na soloQ coreana.

3 – Rengar – 77,2%

Rengar simplesmente consegue explodir o seu alvo sem deixar tempo de reação. O famoso “one shot” do Rengar está de volta e vem complicando a vida dos mid laners.

2 – Camille – 80,2%

Com mais de 80% de banimento a mais nova campeã do League of Legends está fortíssima. Mesmo com os recentes nerfs no patch 7.1, os sul-coreanos continuam banindo a campeã. Camille pode surpreender os seus alvos com um Stun, ela consegue causar bastante dano nos tanks do meta com o seu true damage e vencer troca contra vários outros lutadores.

Está difícil até para o Smeb, que em suas 5 dicas para a soloQ uma foi “bana a Camille” – Veja todas as 5 dicas de Smeb.

1 – Leblanc – 91,2%

No challenger coreano a Leblanc simplesmente não joga. Como falamos antes, um campeão com bastante mobilidade e dano sempre será complicado de lidar, principalmente na Coréia.

Os jogadores estão conseguindo explorar bastante a nova Leblanc e o campeão está sendo um dos mais fortes do Patch atual.

Veja: Rioter comenta sobre a situação atual dos ADCs
Veja: O Mid é quem deve ajudar o Jungler, entenda!
Veja: Smeb da 5 dicas para a soloQ
Veja: Nasus AP, um pick que surpreende!