A paiN Gaming é a bola da vez na série “Aquecimento CBLOL 2017”. Com a maior torcida do Brasil, a organização que veste vermelho e preto é sempre uma das candidatas ao título em qualquer competição que disputa e no 1º Split do Campeonato Brasileiro de League of Legends 2017 não será diferente.

O time conta com um elenco repleto de estrelas e principalmente com um banco de reservas que bateria de frente com vários times do CBLOL. O sistema de reservas, implementado pelo treinador Gabriel “Mit” Souza inspirado da SKT, poderá ser uma das armas da paiN Gaming durante esse split, já que a equipe conta com Rakin, juc e TaeYeon como suplentes.

Outro fator que credencia a paiN como uma das favoritas ao título da competição é a recente conquista da XLG Super Cup 2016, torneio que marcou a volta do suporte Loop depois de um ano de suspensão. Um dos destaques da equipe no campeonato foi o AD Carry, Pedro “Matsukaze” Gama, que se entendeu muito bem com Loop na bot lane e teve atuações convincentes durante toda a competição.

Além destes nomes, não podemos deixar de citar o mid laner Gabriel “Kami” Bohm e o top Matheus “Mylon” Borges, que sempre figuram entre os principais nomes destas posições no cenário brasileiro. O desempenho das duas estrelas da paiN Gaming podem e devem ser determinantes para o sucesso da equipe durante o 1º Split do CBLOL 2017.

O plantel da paiN Gaming para a disputa do 1º Split do CBLOL 2017 é formado por:

Matheus “Mylon” Borges – Top
Thulio “sirT” Carlos – Jungler
Gabriel “Kami” Bohm – Mid
Pedro “Matsukaze” Gama – AD Carry
Caio “Loop” Almeida – Suporte
Rafael “Rakin” Knittel – Mid (reserva)
César “juC” Barbosa – Top (reserva)
Rodrigo “TaeYeon” Panisa – Jungler/AD Carry (reserva)

O treinador Gabriel “Mit” Souza segue no comando técnico da paiN.