Escrito por Nathálya Moura

Nesse último domingo (28) tivemos o primeiro dia da segunda temporada do Mad Hatter de Dota 2. E começamos com fortes emoções, no primeiro jogo tivemos duas das equipes favoritas: Musketeers e SUIGE.

E para o início dessa temporada as garotas começaram com alguns picks diferentes do que foi visto anteriormente. Shadow Demon, Enchantress, Crystal Maiden e Omniknight deram as caras nesse primeiro dia de Mad Hatter.

SUIGE vs Musketeers Esports 

As meninas da SUIGE começaram o jogo com pé direito, abrindo com o first blood e mantiveram a vantagem na fase de rotas em suas três lanes. A capitã, Krolzinha, tomou uma postura bem agressiva na sua lane de Razor contra Omniknigth da June, o que certamente refletiu na postura de suas companheiras de time. Pressionando as lanes o tempo todo as jogadoras da SUIGE abriram logo uma vantagem em abates e consequentemente, em patrimônio. 

Apesar dessa vantagem adquirida logo no early game, não foi uma partida fácil, e a capitã da Musketeers, Flerya, manteve a calma para encaminhar o time em busca de virar esse início de jogo não tão bom. Isso foi visto perto dos 15 minutos, quando ambos os times estavam no top e assim que a Krolzinha saiu para defender o bot, deixando seu time desfalcado, Flerya e Beelú aproveitaram a abertura e foram para cima, conseguindo um abate na Enchantress da Daecita.

Entretanto a resposta não tardou, assim que a Juggernaut nas mãos de BabyD começou a recuar, a capitã da SUIGE voltou para o top, e a Lighto de Shadow Demon em uma excelente jogada cancelou o teleporte da Flerya garantindo então uma boa briga para sua equipe que resultou em dois abates.

O jogo foi cheio de reviravoltas, com muitas team fights, belíssimas execuções dos dois times, e muita incerteza sobre quem de fato levaria o jogo. Mas após 40 minutos o GG foi chamado, após uma briga ruim para a Musketeers no Roshan que perderam sua HC sem recompra. Com isso a nova temporada estreou com a vitória das meninas da SUIGE. Vale lembrar que agora elas voltaram para organização da Midas Club, voltando a jogar pelo nome de Minas Club.

New Eagles vs COLAB eSPORTs 

Na primeira semifinal do dia tivemos duas equipes que são bem conhecidas no cenário feminino, COLAB eSPORTs e New Eagles. Os dois times começaram bem agressivos e de certa forma bem equilibrados, apesar do first blood para a Colab, as adversárias eram quem dominavam o topo das finalizações no início de jogo, com a Takeshi de Wraith King. Mas não muito atrás dela estava a Fanny de Slark, que conseguiu não só um farm mais tranquilo, como também muitos níveis. Os abates que ocorreram na sua lane garantiram à ela o mesmo tanto de experiência que o mid. E foi questão de minutos para a Colab assumir a vantagem de patrimônio. 

Com um pouco de dificuldade durante o mid game, as meninas da New Eagles conseguiram virar esse cenário, e conquistaram a vantagem de patrimônio para 10k de ouro a seu favor. Levaram a primeira torre da base adversária antes mesmo de perderem suas todas as suas T2 e após levarem a shrine do top, garantiram o primeiro supercreeps no mid. Com essa virada de jogo a New Eagles levou a melhor, após 31 minutos de partida, garantindo sua vaga para a grande final do dia.

SUIGE vs Firehawks

A segunda semifinal desse primeiro dia da temporada foi entre SUIGE vs a Firehawks. Apesar do desfalque na equipe da Firehawks, com a capitã Karlaistme não podendo participar e sendo substituída pela sua companheira Byuntaengoo, elas demonstraram estar bem preparadas. 

Mesmo com a SUIGE tendo aos 30 minutos a vantagem de ouro, o jogo estava bem equilibrado, e o menor erro era o suficiente para garantir a vitória adversária. E foi o que aconteceu, com uma team fight nada favorável para a Firehawks as garotas da SUIGE deram um team wipe e garantiram em seguida o Roshan. Isso acabou levando a mais uma vitória para a SUIGE, que não foi nada fácil, ocorrendo com 50 minutos de partida, revelando a disputa da grande final: SUIGE vs New Eagles.

SUIGE vs New Eagles

E então foi a vez da New Eagles enfrentar a SUIGE nas finais do primeiro dia. As garotas da NeW, que já haviam mostrado que não estavam para brincadeira, vieram com uma estratégia diferente colocando um Timbersaw mid para a Snoopy, e na offlaner uma dual de Razor com Earthshaker sendo jogados respectivamentes por Boo e Blue Ivy. 

O jogo começou com ambas equipes sem se arriscarem muito na briga pelas runas, porém numa tentativa de agressão por parte da New Eagles a estratégia da offlaner acabou sendo revelada. A SUIGE soube contornar bem, colocando uma trilane para proteger a sua hardcarrier, Krolzinha de Lifestealer. Não demorou muito para o first blood vir nas mãos de And jogando de Oracle, mas mesmo levando o FB as meninas da New Eagles mantiveram uma postura agressiva na lane, não querendo facilitar a vida da capitã da SUIGE. 

No mid o confronto estava acirrado, as duas jogadoras apresentaram uma postura agressiva, forçando regens e garantindo o máximo de farm. E já no topo Takeshi jogava bem agressiva de Wraith King para cima do Omniknight de Daecita. 

A estratégia da New Eagles para a off acabou não dando muito certo, aos 12 minutos e meio de jogo, mesmo levando a primeira torre, estavam atrás no patrimônio e experiência na partida, e já haviam sido abatidas 6 vezes só nessa lane. Porém em compensação a sua midlaner e hc estavam bem no jogo, dominando o Top 3 de patrimônio.

A partida ficou mais calma depois da fase de rotas, as equipes jogaram em lado opostos do mapa e ficaram trocando farm e torres. Isso mudou quando a SUIGE apesar de não possuir uma vantagem tão grande, com uma briga bem coordenada garantiu um wipe na New Eagles, o que foi o suficiente para elas começarem a ditar o ritmo do jogo. 

Todas as brigas a partir dali foram favoráveis para a SUIGE, e mesmo quando as coisas deram errado, como quando elas perderam o Roshan aos 41 minutos, as meninas sobre liderança de Krolzinha souberam contornar bem com a situação e conseguiram aplicar outro team wipe na New Eagles, no momento em que faziam uma tentativa de high ground com Aegis. 

Foi o caminho para a vitória, aos 46 minutos a SUIGE tinha uma vantagem de 25k de patrimônio, ambos os times já não tinham mais nenhuma T2 de pé, e esse segundo team wipe levou a SUIGE em rumo a base adversária. Elas quebraram o mid conquistando o supercreep, e quase conseguiram levar a bot lane na mesma investida. 

Após uma segunda briga intensa no Roshan, aos 56 minutos de jogo, a SUIGE finalizou o primeiro jogo contra a New Eagles, com 42k de vantagem de patrimônio.

No segundo jogo, as meninas da New Eagles já começaram na desvantagem conseguindo apenas uma das runas de recompensa. Entretanto mesmo com essa desvantagem inicial, no mid, a Snoopy de Lina conseguiu incomodar bastante a Joojina de Shadow Fiend nas primeiras waves. Só que não demorou muito para reverter a situação, na primeira trocação o first blood em cima da Snoopy veio, mas Joojina sobreviveu por muito pouco! No top, ambos times fizeram trilane, o que ficou bastante disputado, gerando uma eliminação em cima de cada suporte nos primeiros minutos.

Mesmo com início de jogo mais equilibrado na questão dos abates, a SUIGE se manteve sempre a frente no patrimônio, e novamente demonstrou uma sinergia superior quando se tratava das brigas, sempre conseguindo sair no lucro.

O mid game foi garantido pela SUIGE, com 8k em patrimônio de vantagem aos 20 minutos de jogo, as meninas conseguiram manter as lanes avançadas, tendo maior controle de mapa. Aos 26 minutos o Roshan caiu para a SUIGE, o que permitiu elas conquistarem os supercreeps top e mid, o que acabou deixando a equipe da New Eagles bem recuada. E não tardou muito para a vitória vir, uma briga no segundo Roshan custou bem caro para a New Eagles, foram necessários muitas recompras para tentar defender a última lane, do bot, e após um team wipe, aos 38 minutos de jogo, o GG foi chamado.

A SUIGE garantiu a vitória nesse primeiro dia de Mad Hatter, permanecendo com a line up titular, invictas!

Com jogos cada vez mais emocionantes as meninas tem mostrado que seus treinos e dedicação não foram em vão, é possível perceber uma melhora por parte de todos os times participantes desde os torneios amadores da BBL, até a segunda temporada do Mad Hatter. O que faz com que a experiência das atuais campeãs da SUIGE também seja diferente a cada jogo, sentindo a pressão que os demais times estão fazendo nelas.

Confira como ficou o resultado dessa rodada:

Pontuação da segunda temporada

SUIGE  650

New Eagles  450

COLAB eSPORTs 275

Firehawks 275

Musketeers Esports 125

Dinastia Gaming House 125