Não vai ser desta vez que o Brasil terá dois times em um major de CS:GO. Apesar de um início promissor, com duas vitórias sobre EnVyUs (16-11 na Cobblestone) e Vega Squadron (16-8 na Cache), a Immortals precisava de apenas mais uma vitória para conquistar a vaga no próximo major da modalidade que será promovido pela ELEAGUE e realizado entre os dias 22 e 29 de janeiro.

No entanto, o time brasileiro falhou nas três chances que teve para garantir seu lugar no major. No primeiro confronto, a Immortals não conseguiu superar o FaZe Clan e acabou derrotada por 16-11 na Mirage. Na segunda oportunidade que teve, o time formado por steel, boltz, felps, hen1 e lucas1 foi atropelado pela mousesports, perdendo a partida por 16-3 na Cache.

A última chance brasileira de se classificar para o major de CS:GO da ELEAGUE seria em um duelo contra a G2 Esports, onde o vencedor conquistaria a tão sonhada vaga e o perdedor iria embora para casa. Em um confronto emocionante, com direito a overtime, a Immortals acabou sucumbindo perante aos franceses e perdeu o duelo decisivo por 19-17.

A derrota marcou a terceira tentativa frustada dos brasileiros em se classificar para o principal campeonato da modalidade. Em junho deste ano, a Immortals ficou pelo caminho na seletiva para a ESL One Cologne 2016. Já em fevereiro, ainda atuando pela Tempo Storm, a equipe falhou em se classificar para o MLG Columbus 2016.

Confira as equipes que conquistaram as vagas no torneio classificatório ao major de CS:GO da ELEAGUE: GODSENT (Suécia), FaZe Clan (Europa), OpTic Gaming (Estados Unidos/Canadá), Team Dignitas (Dinamarca), mousesports (Europa), EnVyUs (França), G2 Esports (França) e HellRaisers (Europa).

Estas equipes se juntam a SK Gaming (Brasil), Natus Vincere (Rússia/Ucrânia), Flipsid3 (Rússia/Ucrânia), Virtus.Pro (Polônia), fnatic (Suécia), Gambit Gaming (Cazaquistão), Team Liquid (Estados Unidos) e Astralis (Dinamarca), equipes que obtiveram o status de “legends” ao terminarem o último major nas 8 primeiras posições.